Inclusão

Contratação de PcD – Relatório 2014: Escolaridade dos respondentes

Contratação de PcD - Relatório 2014 Escolaridade dos respondentes

Na edição de 2014 da pesquisa Pessoas com Deficiência: Expectativas e Percepções do Mercado de Trabalho, a i.Social, em parceria com a Catho e com o apoio da ABRH – Nacional, teve a intenção de comparar os resultados coletados com os três anos anteriores e observar as tendências do mercado de trabalho sob a ótica do profissional com deficiência. Para fazer o download do relatório completo, acesse nosso site: Relatório 2014 – Pesquisa PcD (opção “Download do Relatório da pesquisa 2014”).

Escolaridade dos respondentes

Relatório 2014 i.Social - Escolaridade dos respondentes

Em relação à escolaridade dos respondentes, os números totais indicam aprimoramento e evolução no quadro da escolarização das pessoas com deficiência. Estes são, provavelmente, os mais importantes indicadores de toda a pesquisa, pois, se observados com mais precisão, irão justificar os demais dados de toda a pesquisa.

A melhoria e o aumento da escolarização das pessoas com deficiência já era uma tendência percebida nos números das pesquisas anteriores. Esse fato comprova-se,inicialmente, com um representativo e importante declínio de respondentes com “Ensino médio incompleto” de 3% em 2011 para menos de 1% em 2014.

A tendência continua a ser observada na pesquisa 2014 com a equiparação entre os parâmetros “Ensino médio completo e “Superior completo”,com exatos 28% dos respondentes em cada categoria. Mas os dados mais preponderantes são observados no significativo aumento no grau de educação no parâmetro “Superior completo”, passando de 25% em 2013 para 28% em 2014 e uma diminuição no parâmetro “Superior Incompleto e Superior em Andamento”, se comparada à pesquisa 2013.

Pode-se inferir, pelos números apresentados na pesquisa 2014, que os respondentes estão se profissionalizando e se qualificando,optando por dar continuidade à educação superior. Se somarmos os números de pessoas incluídas nos parâmetros“Superior incompleto” e “Superior em andamento” temos, em 2014, 28% dos respondentes e nos parâmetros “Superior completo”, “Pós-graduação em andamento” e “Pós-graduação completa”, representativos 34% dos respondentes, tendência relevante já observada na pesquisa 2013.

A mais importante conclusão desta etapa da pesquisa é a evidência de que está em processo de desmonte o ícone, utilizado no momento do processo seletivo para inclusão de pessoas com deficiência no mercado de trabalho e colocado como uma verdade tangível: “as pessoas com deficiência não tem qualificação”.

Tags: , , , ,

Não GosteiGostei (Sem votos)
Loading...

i.social

Sem comentários ainda.

Adicione sua resposta