Carreira, RH Inclusivo

Currículo: Candidato Deve Adicionar Apenas Dados Relevantes Para Vaga

Texto extraído de : Administradores.com

A elaboração de um currículo vai muito além de simplesmente listar as experiências anteriores e todos os cursos que realizou ao longo da vida. O profissional deve fazer com que esse documento contenha apenas os itens relevantes para a vaga que pretende concorrer, ou seja, deve enquadrar as informações às exigências da posição.

Especialistas sugerem que o profissional faça um currículo específico para cada vaga que deseja conquistar. Para a palestrante e consultora de recursos humanos, Meiry Kamia, o profissional tem de ter sensibilidade para selecionar apenas as informações que são relevantes para a vaga.

Qualificado demais para o cargo

Alguns candidatos, porém, acreditam que são qualificados demais para determinadas vagas e, por isso, não são chamados nem para a entrevista. Meiry explica que, de fato, quando o selecionador encontra um candidato muito qualificado, ele se assusta um pouco. Mas será que retirar algumas informações do currículo é uma boa estratégia para ser selecionado?

A especialista explica que candidatos qualificados demais para as vagas são deixados de lado por duas razões bastante coerentes. O primeiro motivo está relacionado ao trabalho e o segundo, à remuneração. Os selecionadores entendem que rapidamente esses profissionais vão se frustrar por conta das funções que terão de realizar. No caso do salário, vão se desmotivar, por acharem que merecem mais. E, na maioria das vezes, merecem mesmo.

O caso é que, apesar da forte qualificação, nem sempre esses profissionais encontram oportunidades de emprego compatíveis com ela e até aceitam uma posição inferior. No entanto, de acordo com a gerente de recrutamento e seleção da Trabalhando.com, Ana Luisa Ferraz, retirar informações do currículo não é uma boa solução.

O que ele pode fazer é trabalhar melhor a forma como coloca as informações no currículo, com o objetivo de deixar claro que suas qualificações estão compatíveis com a vaga em questão. Por exemplo, se sua última posição foi de diretor em uma empresa e agora concorre a uma vaga de gerente, deixe claro que realizava funções de gerente, acompanhando a equipe de perto, por exemplo.

É interessante que o candidato tenha sempre em mente a lógica do trabalho do selecionador. O objetivo desses profissionais é encontrar uma pessoa que se encaixe à vaga da melhor maneira possível e, como consequência disso, que vá ficar na empresa por um bom tempo. “A pior coisa para o selecionador é escolher um profissional e ele sair da empresa depois de dois meses. Imagina o tempo e o dinheiro perdidos”, explica Meiry.

Meiry ainda complementa explicando que o profissional, na hora de elaborar seu currículo, não precisa seguir uma regra fixa. “O segredo é a forma como você coloca as informações”,diz.

O que entra e o que sai

Pensando nas informações que serão selecionadas para entrar no seu currículo, é interessante observar algumas dicas. As especialistas recomendam adicionar no máximo as quatro últimas experiências profissionais, desenvolvendo cada uma delas de forma focada, ou seja, de acordo com o que você considera mais interessante para a vaga em questão.

Em relação aos cursos, de novo, só coloque os que estão relacionados com a vaga. “É interessante colocar os cursos mais recentes e que estejam relacionados com a vaga em questão”, diz Ana Luisa. Mesmo que você considere que fez um curso importante, mas isso foi há muitos anos, prefira colocar apenas os mais recentes.

Há ainda aqueles profissionais que mudaram de área no meio da carreira e ficam em dúvida em relação a quais informações adicionar. Se o profissional estiver há bastante tempo na nova área, deve colocar apenas as informações, experiências e cursos que tem a ver com ela, deixando de lado as informações referentes à área anterior.

Mas, se o profissional está há pouco tempo no novo campo de atuação, a sugestão é que coloque informações da experiência anterior – a que não atua mais – especialmente para mostrar para o selecionador que houve uma mudança em sua trajetória de carreira, mas que sempre trabalhou.

Disponível em:http://www.administradores.com.br/informe-se/carreira-e-rh/curriculo-candidato-deve-adicionar-apenas-dados-relevantes-para-vaga/53280/

Tags: , , ,

Não GosteiGostei (Sem votos)
Loading...

i.social

2 Responses para “Currículo: Candidato Deve Adicionar Apenas Dados Relevantes Para Vaga”

  1. On 4 de janeiro de 2013 at 17:41 RAFAEL MARCOS GARCIA respondeu com... #

    Parabéns pelo site. Jesus é fiel

    • On 6 de fevereiro de 2016 at 12:59 carol respondeu com... #

      ou eu querio trabalho que eu tenho tudo do comento em cá deixo meu número ir 9191980134

Adicione sua resposta