Inclusão

Por que falta qualidade nas vagas de emprego para as pessoas com deficiência?

Por que falta qualidade nas vagas de emprego oferecidas para as pessoas com deficiência

A principal reclamação das pessoas com deficiência que tentam entrar no mercado de trabalho ou que já estão empregadas diz respeito a baixa qualidade das vagas que são oferecidas a elas. As vagas, em sua maioria, são de níveis operacionais, de entrada, localizadas na base da pirâmide organizacional e que, do ponto de vista salarial (com funções equivalente à formação do candidato e que ofereça um bom pacote de benefícios), são pouco atrativas.

Entre os motivos que identificamos pelo trabalho diário que realizamos na i.Social ao tentar incluir nossos candidatos nas empresas – e também pela pesquisa Profissionais de Recursos Humanos – expectativas e percepções sobre a inclusão de pessoas com deficiência no mercado de trabalho”, realizada anualmente – constatamos que o mais latente ainda é o fato de que a maioria das empresas só contrata PCDs para cumprir a cota.

Apenas 3% dos profissionais de RH disseram que as empresas contratam PCDs porque valorizam a diversidade. A maioria (86%) contrata candidatos com deficiência somente para cumprir a Lei de Cotas (lei nº 8213/91), enquanto apenas 2% têm pessoas com deficiência em seu quadro de funcionários porque acreditam no potencial delas.

Por que falta qualidade nas vagas de emprego oferecidas para as pessoas com deficiência 1

Esse dado demonstra a importância da Lei de Cotas, mas ao mesmo tempo justifica a falta de qualidade no processo de inclusão, já que a contratação de profissionais sob o foco de cumprimento de legislação caracteriza a inclusão como um custo para a empresa e não como investimento capaz de trazer melhorias para seus processos. Dessa forma, a alta liderança disponibiliza as piores vagas para os candidatos com deficiência para que o custo de atender a legislação seja o mais baixo possível.

Isso fica perceptível na visão das próprias pessoas com deficiência. Veja abaixo:

Por que falta qualidade nas vagas de emprego oferecidas para as pessoas com deficiência 2

Essa estratégia não poderia estar mais errada, já que o foco da contratação acaba sendo a deficiência da pessoa e não em seu potencial e qualificação. Afinal, com vagas pouco atrativas, as empresas acabam contratando os profissionais menos qualificados, que agregam pouco para os resultados e, consequentemente, diminuem suas perspectivas de carreira, aumentando o turnover (também chamado de Rotatividade de Pessoal) e contribuindo negativamente para o ambiente.

É necessário trabalhar a cultura organizacional da empresa, implementando um processo contínuo de ações que levem informações sobre o tema para todos os níveis hierárquicos da empresa, começando pela alta liderança, já que são eles os principais tomadores de decisão e que, informados e conscientizados, podem enxergar os benefícios da inclusão para a estratégia de negócios e passar a investir em inclusão em vez de encará-la apenas como custo.

A i.Social é uma consultoria com foco na inclusão social e econômica de pessoas com deficiência no mercado de trabalho. Acesse nosso site, cadastre seu currículo ou anuncie sua vaga:

www.isocial.com.br

(11) 3891-2511 / atendimento@isocial.com.br

4 Replies to “Por que falta qualidade nas vagas de emprego para as pessoas com deficiência?

  1. Verdade. Só quem já trabalhou em empresas assim sente que está cumprindo uma cota e mesmo tendo boa qualificação a empresa nunca te dá oportunidades. Triste e lamentável.

    1. Oi, Francisca. Tudo bem? Por que não conseguiu se cadastrar?
      Você pode conferir nossas oportunidades nestes links e se candidatar na vaga de sua preferência:
      http://isocial.com.br/candidato-oportunidade-emprego.php
      https://www.facebook.com/inclusaosocial/app/322181671165502/
      Caso ainda não tenha cadastrado seu currículo conosco, você pode fazer agora mesmo por aqui: http://isocial.com.br/candidato-cadastre-se.php, assim podemos entrar em contato caso apareçam novas vagas no seu perfil! 😉
      Obrigado!

  2. Pois é, eu sou uma prova viva desse exemplo, pois tenho 31 anos de experiência e estou à mercê dessa situação, não aparece oportunidade para deficientes projetista mecânico, ou desenhista projetista mecânico.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *